o0o A Companhia de Artilharia 3514 voou para Angola no dia 2 de Abril de 1972 (Domingo de Páscoa) num Boeing 707 dos Tams e regressou no dia 23 de Julho de 1974, após 842 dias na ZML de Angola, no subsector de Gago Coutinho, Provincia do Moxico o0o Rendemos a CCAÇ.3370 em Luanguinga em 11 de Abril de 1972 e fomos rendidos pela CCAÇ.4246 na Colina do Nengo em Junho de 1974. Estivemos adidos ao BCav3862 e depois ao BArt6320 oOo O Efectivo da Companhia era composto por 172 Homens «125 Continentais, 43 Cabo-Verdianos e 4 Açorianos» oOo

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Lumbala Nguimbo

Camponeses beneficiam de tractores agrícolas
Quatrocentos e 23 camponeses, organizados em associações agro-pecuárias, no município dos Bundas, província do Moxico, beneficiaram hoje (domingo), de quatro tractores agrícolas, para apoiar no desenvolvimento da agricultura.
Em declarações à Angop, a administradora municipal adjunta dos Bundas, Maria Filomena Elisabeth Aires, disse que os tractores foram adquiridos no quadro do programa do governo local que visa apoiar os camponeses no âmbito de combate a fome e pobreza.
Maria Elisabeth Aires sublinhou que as máquinas vão auxiliar os camponeses na actividade agrícola mecanizada, para contribuir na diversificação da produção na região.
Pedro Catoti, um dos camponeses associados, disse que há muito esperava por este apoio, que para si, "constitui "uma mola impulsionadora" para o fomento agrícola no município.
"Com o apoio do governo muitos camponeses vão seguir o exemplo do associativismo", disse o interlocutor que pediu a abertura dos bancos que operam no Moxico na concessão de créditos para o fomento da agricultura na província.
Situado a 356 quilómetros, a sul do Luena, o município dos Bundas, com sede na vila de Lumbala-Nguimbo, é essencialmente agrícola, sendo potencial no cultivo de massambala, massango, mandioca, milho, feijão, amendoim (ginguba), entre outros produtos do campo.
AngolaPress

Sem comentários :

Enviar um comentário