o0o A Companhia de Artilharia 3514 voou para Angola no dia 2 de Abril de 1972 (Domingo de Páscoa) num Boeing 707 dos Tams e regressou no dia 23 de Julho de 1974, após 842 dias na ZML de Angola, no subsector de Gago Coutinho, Provincia do Moxico o0o Rendemos a CCAÇ.3370 em Luanguinga em 11 de Abril de 1972 e fomos rendidos pela CCAÇ.4246 na Colina do Nengo em Junho de 1974. Estivemos adidos ao BCav3862 e depois ao BArt6320 oOo O Efectivo da Companhia era composto por 172 Homens «125 Continentais, 43 Cabo-Verdianos e 4 Açorianos» oOo

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Amizades Que o Tempo Não Destrói

De Alexandra e Vânia Abreu (filhas de Zé Abreu):
Palavras amigas.
Foi sempre com alegria, saudade e algum secreto orgulho que o meu pai, nos habituou a ouvir, as suas, as vossas, "histórias", em terras de Angola. Muitos chamaram-lhe guerra, mas o meu pai dizia apenas: "Quando eu estive em Angola..." Nomeava-os a todos em cada fotografia do seu álbum de recordações. Ao falar em todos vós, dirigia-vos uma grande amizade, sempre muito emocionada. Era com grande felicidade que vinha aos convívios realizados, na ânsia de encontrar (reencontrar) sempre mais alguns dos seus camaradas. As lágrimas inundavam-lhe a face cada vez que os via e ouvia pelo telefone, e acredito que hoje também onde quer que esteja. Obrigado por gostarem tanto dele, como ele vos adorava a todos, permanecendo assim inesquecível na memória de todos os que com ele privaram. Sei que se tivesse tido oportunidade de se despedir de vocês o faria, simplesmente:
"Até amanhã CAMARADAS"

Sem comentários :

Enviar um comentário